Saúde da família: flexibilizar sem perder a compostura

FLEBILIZARA rigidez estrutural da estratégia de Saúde da Família precisa urgentemente superar sua fase heroica de implantação, durante a qual ela talvez tenha sido necessária. A própria criatividade dos gestores da saúde já tem proposto inúmeras alternativas, configurando-se, assim, no País-real, não “o” PSF (único), mas muitos e variados PSFs. O grande problema, porém, é que tais variações nem sempre se estabelecem de forma consequente ou regulada. Mas é preciso mais ousadia, criando mecanismos flexibilizadores – que frequentemente causam horror aos puristas – mas que na verdade podem representar a salvação da Saúde da Família, mais do que sua extinção, com as devidas precauções e salvaguardas.

Acesse o texto completo no link abaixo.

Saúde da família FLEXIBILIZAR

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s