Viagem a Portugal (III): Rumo ao Norte

Visitado o grande epicentro de História que tem como lugar simbólico Aljubarrota – lindo nome! – e  onde se situam Óbidos, Alcobaça, Batalha e Tomar, é hora de seguir adiante. Mas talvez seja mais adequado, enquanto é tempo, corrigir a frase acima, pois que todo este país, embora pequeno, é vasto palco de acontecimentos marcantes, não só de impacto local como, muitas vezes, universal. Melhor … Continuar lendo Viagem a Portugal (III): Rumo ao Norte

Viagem a Portugal (II): Entre a Cruz e a Espada

Para sair de Lisboa há um dilema a ser resolvido: qual estrada tomar? Sim, porque há sempre mais de uma opção. Em geral, existem grandes rodovias, padrão ‘União Europeia”, com largas pistas de rolamento, muito bem conservadas, sinalizadas, limpas e… pagas. Porém, o ideal é ir pelas vias colaterais, nem sempre com acesso bem sinalizado, também de boa qualidade, embora bem mais estreitas. Mas é … Continuar lendo Viagem a Portugal (II): Entre a Cruz e a Espada

Na Bodoquena, no Pantanal

Pela terceira vez fui ao Pantanal. Acho que todo brasileiro deveria ir também, embora isso implique em duas questões difíceis de resolver, a do custo e a da superlotação… Dizem que há muitas diferenças entre o norte e o sul deste presente que a natureza nos deu. Não sei dizer; isso é coisa para biólogos e ambientalistas ou, pelo menos, para gente que ali vai … Continuar lendo Na Bodoquena, no Pantanal

Pelo Sertão

Você gosta de sertão, de boiada, de vereda de buritis, de velhas cidades à beira rio? Calma, não vou recomendar  leituras em Guimarães Rosa, se bem que se você quiser levá-las  na bagagem, será de bom proveito. Pegue seu carro (qualquer modelo, desde que esteja com boa mecânica, pneus novos, etc.) e siga comigo. Vamos pegar a saída norte. Passando Formosa, você logo estará em … Continuar lendo Pelo Sertão

O dia em que conheci Brasília

Entoando nosso hino, o rataplã do arrebol, de cujas palavras ignorávamos o exato significado, nos arrancamos de BH em uma manhãzinha de abril de 1960. O caminhão Chevrolet tinia de novo (uma gíria da época) e levava nossa tropa, o Grupo Escoteiro do Colégio Estadual, para participar da inauguração de Brasília. Dentre nós, os mais viajados mal haviam passado de Lagoa Santa, ou adjacências, sempre … Continuar lendo O dia em que conheci Brasília

Pela Estrada Real

Depois de numerosas idas e vindas pelas estradas que hoje fazem parte da “Estrada Real” (elas são muitas, considerando a necessidade de fugir do fisco desde os primórdios de tal caminho…), passei a ser considerado um especialista no assunto. Assim, quando amigos me pedem orientações, já lhes entrego quentinho o texto seguinte. Pra começar: saindo de Confins, tomem a estrada pra BH, mas só por … Continuar lendo Pela Estrada Real